Loading...
VIAGEM

Hello NYC! Novidades da Big Apple

Hello NYC!
A cidade que vive apressada foi ponto de parada do JornaldamodA no último mês de março/16 e se comportou como uma melhor amiga ao brindar os turistas com dias de temperaturas ótimas e céu claro de “quase primavera”.

O Central Park é aquela área pública que fica linda em qualquer estação do ano!
O Central Park é aquela área pública que fica linda em qualquer estação do ano!

Obviamente que foi impossível não fazer o turismo básico, como subir no Top of the Rock, do Rockefeller Center, e Empire State Building, ou passear pelo ainda com cara de inverno Central Park, assim como me perder entre tantas histórias dentro do Lotte New York Palace, um dos locais onde me hospedei durante essa passagem deliciosa.

Vista do topo do Rockfeller Center, na minha opinião é mais interessante do que a do topo do Empire State, mas isso é uma questão de gosto.
Vista do topo: Rockefeller Center ou Empire State – ambos são incríveis, mas a estrutura interna art déco do Empire é de fazer apaixonados por arquitetura babar!

Também tiveram muitas delícias gastronômicas, como café da manhã no Pomme Palais, almoço na Antonio’s, pizzaria do Brooklyn com zero glamour e muito sabor, e jantar no Lavo, restaurante italiano e balada de Manhattan com uma burrata para se lembrar, assim como o cremoso pão de alho da entrada. Sendo sincera, não fiquei para a balada, mas tinha um ótimo potencial 🙂

Antonio's no Brooklyn - não é glamuroso, mas tem seu charme exatamente por isso. E claro, o mais importante, é saborosa e muito querida entre os locais
Antonio’s no Brooklyn – não é glamuroso, mas tem seu charme exatamente por isso. E claro, o mais importante, é saboroso e muito querido entre os locais

Se o assunto for museu, para os amantes das artes Nova Iorque é um parque de diversões muito bem equipado.

Nesse sentido, dessa vez os explorei com o City Pass, um tipo de passe vip para as atrações turísticas mais concorridas da cidade: o MoMA (fãs de Picasso e Mondrian amam esse lugar), o Metropolitan Museum, que está com uma seleção de arte asiática gigante em destaque, e museu do Fashion Institute para conferir, gratuitamente, duas exposições: uma sobre denim/jeans, a “Denim Fashion’s Frontier”, e outra sobre conto de fadas, “Fairy Tale Fashion”

Final da tarde no Metropolitan Museum
Final da tarde no Metropolitan Museum

Dica – se você quer economizar alguns dólares, recomendo visitar o MoMA de sexta-feira durante o período da tarde, pois eles fazem uma parceria com a marca UNIQLO (ótima, por sinal), para deixar os visitantes entrarem de graça das 16h -20h. Acesse o link para saber mais.

A suíte mais linda - e cara - do Lotte New York Palace foi desenhada com a ajuda do joalheiro Martin Katz
A suíte mais linda – e cara – do Lotte New York Palace foi desenhada com a ajuda do joalheiro Martin Katz

Outro passeio que estava dentro de um passe que usei em Nova York, agora o New York City Explorer Pass (vale por 30 dias, muito bom) é o Water Taxi, um barco amarelo, inspirado nos yellow cab, que passa por pontos importantes de Manhattan, Estátua da Liberdade e Ponte do Brooklyn. Se você está na cidade com o tempo muito reduzido, essa forma de trasporte pode ser bem interessante. Eu, que não tinha tanto tempo para descer na Estátua da Liberdade, por exemplo, passei por ela, fique lá admirando o tempo que ele ficou parado e depois segui para o Brooklyn. É uma ótima forma de tirar foto do skyline da cidade também!

Falando em cartão, o Metro Card (Bilhete Único deles) é essencial para quem quer explorar a cidade de forma rápida! Mesmo para quem fica poucos dias, se o número de vezes que for usar transporte ultrapassar 13 vezes, já escolha o cartão semanal, pois já fica mais econômico.

Vista do Water Taxi - ótima opção para quem quer rapidez, além de fugir do trânsito e de metrôs lotados
Vista do Water Taxi – ótima opção para quem quer rapidez, além de fugir do trânsito e de metrôs lotados

Mais dicas:
– Se o seu negócio é mochilar, um bom hostel em Manhattan, tanto pelo preço, quanto pela limpeza, é o Hi New York City.
– Muita gente vai até o Memorial do 11 de Setembro para ver um pouco sobre essa passagem triste da história, mas uma das lembranças mais impactantes está ao ar livre, no Battery Park. A escultura Sphere, que ficava na praça do antigo World Trade Center, foi feita pelo artista Fritz Koenig como símbolo da paz. Ela foi bastante danificada, obviamente, durante o ataque terrorista em 2001, mas mesmo assim colocada novamente exposta ao público simbolizando a paz e agora com uma chama que nunca se apaga ao lado. Vale a visita e o momento de reflexão.

Uma escultura danificada no 11 de Setembro é aquele lugar de Nova Iorque que não é tão explorado pelos turistas, apesar de estar no pier de saída para a Estátua da Liberdade, mas tem um significado gigante!
Uma escultura danificada no 11 de Setembro é aquele lugar de Nova Iorque que não é tão explorado pelos turistas, apesar de estar no pier de saída para a Estátua da Liberdade, mas tem um significado gigante!
  • Amantes de arte, gastronomia e moda, não deixem de visitar o Chelsea Market e Meatpacking. Esses lugares são incríveis! E estão lotados de marcas de beleza (make, sabonetes, velas aromatizadas, sais e óleos) vegan e cruelty free, como a Malaya Organics. Estou usando um mix de sais deles na minha banheira e amo!
    – Dentro do mercado você também pode comer delícias da Amy’s Bread. E nada de pensar em calorias nessa hora!
  • Ande sem pressa pelo High Line já observando as instalações de arte ao ar livre desse parque suspenso até chegar ao novo prédio do Whitney Museum of American Art.
High Line - aquele passeio gostoso a qualquer hora do dia.
High Line – aquele passeio gostoso a qualquer hora do dia.
  • Para não ter dor de cabeça na ida ou na volta, já feche sua forma de transporte dos aeroportos até Manhattan com uma operadora de turismo séria aqui no Brasil. A minha recomendação é a Atlanta Turismo, que organizou meu voo e deu ótimas e nada óbvias dicas da cidade. Dependendo do táxi ou transfer que você pegue, a viagem pode começar tranquila ou estressante. Eles fazem parte da Virtuoso, uma das maiores e mais sérias operadoras de turismo do mundo. É não passar perrengue na viagem, com certeza!
  • Para comprar eletrônicos, principalmente quando o assunto é foto, não pense duas vezes antes de checar preços na Best Buy e B&H. Eu, por exemplo, tinha que comprar um híbrido de computador com tablet, bem simples para uso diário, e acabei achando uma ótima opção na Best Buy. Além do preço muito bom, ainda aproveitei pra fazer um seguro mundial com o Geek Squad por lá, que ainda não usei, mas espero que seja bom e atenda muito bem aqui no Brasil. Eles garantiram isso! É uma alternativa para quem fica com receio de não ter garantia da marca, né?
  • Quer comprar puxadores para portas e gavetas? Os mais fofos estão na Anthropologie. Aliás, quem gosta de decoração fofura vai se perder por lá! Quer uma ideia? Dá uma olhada no link de Home e Decor deles.

Resumindo: Nova Iorque é como São Paulo, Berlim ou Londres quando o assunto é turismo: o melhor é mesclar sempre o turístico com o inusitado, sabendo que sempre haverá algo novo em questão de horas, então é sempre uma fonte inesgotável de passeios e experiências.

Fotos: Paula Roschel.

%d blogueiros gostam disto: