Pele bonita e acessível

por Paula Roschel

Dá para ter a pele bonita e com acabamento perfeito mesmo sem tirar muito dinheiro do bolso? Sim!

Ok, se você acompanha o site faz tempo sabe que eu já duvidei muito dessa afirmação, principalmente por ter a pele sensível e com tendência para as mais potentes alergias.

Sendo assim, a minha primeira opção sempre ficava entre as bases de linhas dermatológicas ou aquelas que passavam por uma análise minuciosa, o que acabava se desdobrando em opções muito caras.

Mas até aí sem muitos problemas, pois é um produto que se usado corretamente dura muito e ainda trata o rosto. Sim, eu não meço esforços para ter o que há de melhor não pela estética, mas por saúde, já que a pele é o maior órgão do nosso corpo e merece muito cuidado, ainda mais quando muito sensível.

E foi nisso que três grandes – e econômicas – surpresas me conquistaram após uma série de testes:

  • Corretivo Fit Me Maybelline:
    Esse corretivo líquido que vem numa pequena bisnaga de 10 ml que cabe perfeitamente na bolsa é um achado! Ele é leve, fácil de aplicar, conta com uma cobertura incrível e não craquela/faz vincos ao longo do dia. Aplico abaixo dos olhos fazendo um desenho de triângulo invertido e as vezes fico apenas nisso, sem passar base posteriormente, apenas cuidando da pele antes da aplicação com minha rotina que é quase coreana, ou seja, um milhão de passos. Outro benefício: é muito fácil de encontrar e sempre com preços que não ultrapassam os vinte e poucos reais. Vale o investimento!
  • Base Líquida Skin Tone KIKO MILANO:
    Quando a KIKO chegou por aqui, algo muito recente, eu esperei um pouco para cair nos braços dos produtos, pois a fila da loja me assustava. Sim, ela é um sucesso e agora eu sei o motivo! Para quem gosta de sombras, delineadores e batons, é um paraíso dos bons pigmentos com preços camaradas. Mas foi aí que decidi testar a marca italiana onde muitas outras não conseguem me ganhar, que é na base. Fui convidada pela assessoria de imprensa para conhecer a nova loja no Shopping Eldorado. Saí do evento com dois produtos para a pele e um desafio: tentar descobrir se a base que não ultrapassa o valor das outras internacionais – e muitas nacionais – valia a pena mesmo ou era só euforia das entusiastas de beleza com uma linha que antes não tinha no Brasil. E para a minha surpresa, a Skin Tone Foundation atendeu a todas as expectativas. Ela é muito leve, dá acabamento natural e cobertura na medida – nem muito, nem pouco. Além de maquiar, também hidrata a pele por até oito horas. Seu FPS é 15. Virou minha queridinha? Com certeza! Ela me lembrou muito o toque e acabamento de outra base que adoro, da Marc Jacobs.
  • Weightless Perfection Wet and Dry Powder Foundation
    Pelo preço sugerido de R$99,90, essa base em pó também da KIKO me conquistou pela praticidade. Confesso que a uso mais como acabamento para a base líquida, para aumentar a durabilidade da pele perfeita pelo dia todo, mas também já experimentei sozinha, durante uma viagem com pouca possibilidade de carregar quilos de produtos. Com FPS 30, acabamento matte suave e extrato de romã na fórmula, ela segura a oleosidade muito bem. Pode ser usada molhada, virando quase um pancake, mas eu prefiro não fazer isso e explico o motivo: Se eu molhar diretamente a esponja numa água termal, vou achar que a umidade que ficar na base vai auxiliar a proliferação de fungos e bactérias. E vai me dar muito trabalho raspar o produto e umedecer em outro recipiente. Sim, sou chata com isso porque qualquer coisinha fora da fórmula já me empipoca inteira, então melhor não dar margem. Ah, e a cobertura dela é mais alta do que a própria Skin Tone, para as meninas que precisam dessa característica.

Aí você me pergunta sobre esse pincel em formato de sereia que coloquei na montagem.

Bom, ele eu não testei e nem achei no Brasil. Essa gracinha custa apenas cinco dólares em diversas lojas virtuais fora do país, mas nada entregando aqui. Se você sabe onde encontrar, me fala pelo e-mail paula@jornaldamodabrasil.com que a gente divulga aqui, afinal, todo mundo é um pouco sereia, não é mesmo?

E fiquem ligadas, pois comecei a testar hoje o lançamento da Bioderma para proteção solar com cor que também pode ser a cereja do bolo para meninas com peles sensíveis e potencial alergia a filtros químicos – a maioria no mercado. O Photoderm Nude Touch FPS 50 + é composto por filtro físico e elementos minerais, além de ter ingredientes que ajudam a reduzir imperfeições na pele a partir de 21 dias de uso. Bom, mas isso vai virar outro post, pois primeiro vou usar e abusar para depois dar minha opinião aqui. Aguardem.

 

Fotos: Divulgação.