Apenas passar protetor não adianta: os cuidados além do Sol

Essa época do ano praias e piscinas lotam de pessoas que, muitas vezes, estão em busca de um bronzeado perfeito.

Mas o grande problema é que sabemos que essa prática de ficar morena não é lá muito saudável para a pele e pode, inclusive, resultar em manchas e doenças graves. Mas como cuidar da pele antes e depois da exposição solar?

sol

Segundo o dermatologista Dr. Alberto Cordeiro, o uso do protetor solar isolado não é suficiente para te proteger dos raios nocivos no verão.

O primeiro passo é limpar a pele com sabonete neutro, antes da exposição ao sol, e também hidratá-la, para depois usar o protetor. Para que esse creme não pese na pele, escolha opções não oleosas e não-comedogênicas.

Na hora do protetor, você precisa aplicar uma quantidade generosa do produto e lembrar de reaplicar ao longo do dia. Se for para praia ou piscina, por exemplo, essa ação precisa acontecer de 2 em 2 horas ou na sequência de um mergulho. Parece chato, mas é necessário, alerta o especialista.

Após a exposição solar, use produtos calmantes na pele, como os contendo aloe vera, camomila ou água termal. A água do banho precisa ser fria ou morna e, por falar em água, seu consumo abundante durante essa época do ano é de grande auxílio para uma pele impecável.

verao

Horário:
“O sol antes das 9 horas da manhã ou depois das 17 horas tem uma quantidade menor de radiação ultravioleta, sendo assim menos prejudicial. A exposição de 10 a 15 minutos durante esses períodos é tolerável. Com o uso do protetor solar, este tempo pode ser prolongado para até 30 minutos.”, informa Dr. Alberto Cordeiro, dermatologista.

Não se esqueça também de chapéus, óculos, lenços e moderação, claro!

Foto: Paula Roschel.